quarta-feira, 27 de abril de 2011

"A Semana Santa"




Acabamos de vivenciar a chamada "Semana Santa" com direito a muito chocolate para a celebração da páscoa... Esse feriado, segundo consta tem o sentido de nos trazer a reflexão conceitos relacionados a morte e ressurreição de Jesus, aquele que denomina-se segundo o cristianismo o salvador da humanidade, o redentor dos pecados, fato este, que nos traz algumas possíveis características do que poderá ser Deus, pois segundo os escritos tradicionais, foi o próprio "Todo poderoso" que deu o seu filho em prol de toda humanidade para que alcançassemos a denominada vida eterna nos céus. Por mais que essa história seja conhecida de todos, o próprio Deus permanece uma incógnita, um mistério, pois fica a pergunda: Que Pai daria seu filho para morrer pelos outros? E por que feito isso, ainda permanece em profundo mistério sem que possamos compreender todo o propósito por trás de tal atitude? Veja aí algumas características e curiosidades da chamada Páscoa:

Páscoa: termo "Pesach" (hebreu) - Passagem

Civilizações antigas: Festa relacionada a passagem do inverno para a Primavera


Judaísmo: Êxodo, passagem do povo hebreu escravo no Egito pelo Mar vermelho para libertação

Cristianismo: Morte, ressurreição de Jesus, o Cristo. Começando uma semana antes, no Domingo de ramos, relembrando a entrada do "Messias" em Jerusalém, passando pela morte, terminando com a celebração da ressurreição



Tradições atuais: Mitologia - Deusa Astarte ou Ostera, deusa da fertilidade, onde ovos pintados e lebres traziam tal significado


Enfim, a Páscoa não diminui em nada nossas indagações, nem responde qualquer de nossas perguntas... Voltemos a estaca zero, continuando nossa jornada...



"A indiferença acaba permitindo nossa adesão passiva à realidade que nos é imposta. Não estamos diante de um fato consumado, estamos trancados nele. Muitos estão acordados, mas fazem de conta que estão dormindo..."
José Saramago

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Início da jornada

(A Criação de Adão - Michelangelo)

Olá Pessoal!

Continuando nossa jornada em busca de respostas ao que se considera indecifrável, fazemos uma analogia diante de 03 conceitos ou idéias que nos trazem a reflexão e aos questionamentos do que de fato seria Deus...

Começo com uma definição do Dicionário a respeito dessa divindade:

s.m. Ente infinito e existente por si mesmo; a causa necessária e fim último de tudo que existe. / Em teol. cristã, ente tríplice e uno, infinitamente perfeito, criador e regulador do universo. / Cada uma das pessoas da trindade cristã: Deus Padre, Deus Filho e Deus Espírito Santo. (Nestas significações, escreve-se com inicial maiúscula.) / Divindade masculina. // Os deuses, as personificações masculinas e femininas que compunham o Olimpo pagão.
(Dicionário Aurélio)

Observamos também diante das artes e literatura a busca em relação a esta intrigante pergunta:

"Eu amo o mundo! Eu detesto o mundo!
Eu creio em Deus! Deus é um absurdo!
Eu vou me matar! Eu quero viver! Você é louco? Não, sou poeta."
(Mário Quintana)

E termino essa reflexão com um vídeo do Bono Vox que reflete essa busca e a falta de respostas:

"I still haven't found what I'm looking for" (Eu ainda não encontrei o que estou procurando)


video



E PARA VOCÊ, QUEM É DEUS?

Até a próxima semana!


quinta-feira, 7 de abril de 2011


DIANTE DE UM MUNDO CADA VEZ MAIS COMPLEXO E CAÓTICO, UMA DAS PERGUNTAS QUE SEMPRE INTRIGOU A HUMANIDADE EM TODOS OS TEMPOS SERIA O FATO DE EXISTIR OU NÃO UMA DIVINDADE, UM PROPÓSITO, ALGUÉM POR TRÁS DE TODA A HISTÓRIA EXISTENCIAL... MUITOS PREFEREM NÃO PENSAR NISSO, OUTROS REFUTAM A IDÉIA DE UM DEUS PRÓXIMO E ATUANTE, MAS O FATO QUE NÃO PODEMOS NEGAR É QUE QUEIRAMOS OU NÃO, PRECISAMOS CEDO OU TARDE NOS DEPARAR COM A VERDADE QUE NÃO CONHECEMOS DIANTE DE TODOS OS MISTÉRIOS QUE ENVOLVEM A VIDA E NOSSA EXISTÊNCIA... POR ISSO ESTAREMOS NUMA BUSCA PELAS MAIS DIVERSAS ÁREAS, ENVOLVENDO FÍSICA, BIOLOGIA, PSICOLOGIA, FILOSOFIA, TEOLOGIA, ENTRE AS RELIGIÕES E NÃO-RELIGIÕES PARA TENTAR AMENIZAR ALGUMAS PERGUNTAS QUE TALVEZ NUNCA CONSIGAMOS RESPONDER NA SUA TOTALIDADE, MAS NEM POR ISSO DEIXAREMOS DE NOS DENOMINAR CAÇADORES DE DEUS...